Ligada num futuro blue

Legado Arte

AZUL: tem origem no árabe e no persa lázúrd, por lazaward (azul).

Para Lüscher, a cor azul é considerada como infinito da eternidade.

Sensações cromáticas do azul: tranquilidade, feminilidade, espaço/movimento infinito.

o movimento só é possível entre as substâncias sensíveis, isto é, entre aquelas que são compostas de matéria e forma, pois apenas a matéria comporta potencialidade, que é princípio de movimento. A causa material e formal do movimento são intrínsecas a ele, a saber, são justamente a matéria e a forma da substância que se move. A causa eficiente que o produz é sempre um ente em ato, pois nada pode ser levado a ato senão por um ente que já esteja em ato, o que equivale a dizer que nada pode ser causa do seu próprio movimento, ou, ainda, que nada pode mover-se a si mesmo. A causa final é a tendência natural que todos os corpos têm de alcançar a sua perfeição própria, ou seja, de passar de “ser-em-potência” para “ser-em-ato”, de capacidade de “vir-a-ser” para ser de fato.” (Aristóteles)

 Beth Santos

Scalante – fotografia em pigmento natural sobre papel fotográfico, edição 1/1, 2012 – assinada e datada no verso – acervo L-A

pulseira em acrílico dos anos 1970 – acervo pessoal

jeans Zara – acervo pessoal

rasteira Empório Naka – acervo pessoal

vaso de cerâmica alemã desenhado por Dieter Peter para Carstens nos anos 1960 – acervo L-A

Maxi bag em couro de ovelha Fabrizio Rollo – acervo pessoal

Beth Santos

www.legadoarte.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s